Pais Bonzinhos, Filhos Rebeldes E Relaxados?

Essa pode ser uma frase que você já ouviu falar.

Uma educação rígida e correta hoje em dia é vista muitas vezes, como violência psicológica e emocional por parte dos pais.

Esse assunto deve ser bem discutido e repensado pelos pais e educadores, pois é a base da próxima geração.



Uma educação à base do posso tudo pode trazer benefício momentâneo, mas no futuro pode aparecer sofrimento e dificuldades diante dos problemas da vida.


Por exemplo, onde não há organização e disciplina, a bagunça impera. E uma casa deve ter sistema de organização e tarefas incumbidas ao marido, esposa e filhos para ser criado o senso de responsabilidade e compromisso.

A desordem não fica só na casa, mas na mente e relacionamento que as crianças tem na sociedade.


Pedidos repetidos dos pais para esta organização podem se estender por dias, meses e até anos, sem sua execução. Quem é criado em meio a este caos doméstico não aceita regras. Dai surgem os futuros problemas, não só em relação as tarefas domésticas, mas em relação a tudo a sua volta.


Pais que abrem espaço para a vontade de filhos imaturos, acabam sendo influenciados ao invés de influenciar. O medo de dizer o construtivo e educador chamado não, faz com que o desejo dos filhos sejam aceitos sem nenhum problema.


Falando sobre o papel dos pais no desenvolvimento socioemocional dos filhos, de acordo com o psicólogo Leo Fraiman “Em nome do amor, pais narcisistas e carentes criam pequenos tiranos em casa. E todos sofrem”. Às vezes os pais precisam de orientação para saber como ser pai e mãe, pois sem ter noção de qual é seu papel no mundo, os pais invertem tudo acreditando na loucura de que devem fazer o filho feliz a qualquer custo!


Os limites desde cedo são fundamentais para estruturar a personalidade de um indivíduo. E os filhos precisam disso para crescer. Não tenha medo de impor o que acha certo, não abra mão de dizer um firme ‘agora não’, ‘não vou comprar isso agora’, ‘não pode’ e etc.


A tarefa de educar um filho é muito difícil, e os pais às vezes não enxergam que mimando e protegendo demais os filhos estão na verdade fazendo mal a eles. O prazer de ganhar algo hoje é momentâneo, hoje o filho vai ficar feliz, mas e amanhã? Amanhã vai querer mais e mais.

Os pais não podem fugir de sua responsabilidade, não podem achar que vão conseguir proteger o filho pra sempre fazendo tudo o que querem!


E nesse caminho da educação, não dá pra acertar sempre e precisamos aceitar isso, pois é um processo de construção. Quando os pais perceberem isso, vão entender que o melhor presente pro seu filho é dizer não, impor limites e moldar o seu filho para ser uma pessoa melhor no futuro, sabendo lidar com as diversas situações que vão surgir na sua vida!


Arrumar a cama, as roupas, manter em ordem seu próprio quarto, entre outras tarefas são importantíssimas para ajudar seu filho a começar a pensar em suas responsabilidades futuras. Você como pai estará ajudando ele nesse processo.

88 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo